Após atraso, cartão Elo deve ser lançado em janeiro

O cartão Elo, que está sendo desenvolvido pelo Banco do Brasil e Bradesco, deve chegar ao mercado apenas em janeiro, segundo o vice-presidente de novos negócios do BB, Paulo Rogério Caffarelli. O projeto atrasou e não vai dar tempo de colocar o plástico no mercado antes do Natal, como era a ideia dos bancos.

ALTAMIRO SILVA JÚNIOR, Agencia Estado

17 de dezembro de 2010 | 17h15

Segundo Caffarelli, o atraso ocorreu por conta de questões tecnológicas relacionadas à entrada da Caixa Econômica Federal no projeto. Quando foi anunciada a criação da bandeira Elo, em abril, o projeto era emitir o primeiro cartão em outubro.

A Elo, segundo o executivo, pode virar também uma bandeira internacional. "O plano principal é consolidar a bandeira aqui, mas podemos nos expandir para outros mercados", afirmou o executivo.

Tudo o que sabemos sobre:
cartãoEloBBBradescoCaixa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.