Apple acusa Samsung de copiar iPhone e iPad

A Apple acusou a Samsung de usar a sua linha Galaxy para copiar produtos eletrônicos como o iPhone e o iPad. A medida judicial da empresa de Steve Jobs é mais uma das disputas envolvendo patentes de algumas das principais gigantes da tecnologia e indica como será a concorrência nos próximos anos.

AE, Agencia Estado

20 de abril de 2011 | 14h53

O anúncio ocorreu no mesmo dia que a RIM, fabricante do BlackBerry e concorrente da Apple e da Samsung, anunciou o lançamento de seu tablet, o Playbook, que, segundo analistas, fracassou em seu primeiro dia de vendas. Não houve filas nas lojas, enquanto o estoque de iPads se esgotou em 20 minutos quando foi lançado há cerca de um mês.

?A Samsung fez seus celulares e computadores tablets de uma forma que são usados e se parecem com os produtos da Apple, em uma clara violação de patentes. Por meio desta ação, a Apple busca parar a conduta ilegal da Samsung e obter compensação pelas violações que já ocorreram?, diz o documento que a Apple enviou à Justiça no processo contra a empresa coreana. O tablet é um tipo de computador portátil em formato de prancheta.

A linha Galaxy tem conquistado mercado tanto em celulares como nos tablets. O produto fabricado pela empresa é o único considerado um sério rival para o iPad, que ainda domina cerca de 70% do mercado do setor. Mas a tendência, apesar da multiplicação nas vendas, é de que o domínio da Apple seja reduzido para menos da metade do total até 2015, segundo analistas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.