Apple lança iPad fora dos EUA, em meio a dúvidas sobre oferta

Desde que colocou o computador à venda, a Apple teve problemas paraatender a demanda, o que fez a empresa adiar o lançamento internacionaldo iPad em um mês

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

28 de maio de 2010 | 12h22

O iPad, da Apple, estreou nesta sexta-feira fora dos Estados Unidos, provocando longas filas de consumidores que estavam esperando ansiosos para colocar as mãos no computador em formato tablet que ainda apresenta oferta pequena no mercado norte-americano.

Segundo o Wall Street Journal, o iPad foi colado à venda em nove países - Austrália, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Espanha, Suíça e Reino Unido, quase dois meses depois de seu lançamento nos EUA no dia 3 abril. Desde que colocou o computador à venda, a Apple teve problemas para atender a demanda, o que fez a empresa adiar o lançamento internacional do iPad em um mês.

Segundo estimativas de analistas, a Apple venderá cerca de 1,7 milhão de iPads no trimestre de abril a junho e 5 milhões no ano no mundo inteiro. "A grande dúvida é se eles podem produzir mais deles para atender a demanda, porque a demanda está lá", disse Gene Munster, analista da Piper Jaffray.

Assim como o iPhone, os mercados no exterior devem compor uma parte significativa do total das vendas do iPad. Munster disse que os EUA provavelmente contribuirão com cerca de um terço das vendas globais do iPhone, com o restante vindo do exterior.

Em uma teleconferência com analistas sobre os resultados financeiros da companhia no mês passado, o diretor do escritório operacional da Apple, Tim Cook, afirmou que a demanda pelo iPad "nos surpreendeu", acrescentando que a empresa estava aumentando a capacidade de produção.

Uma pesquisa feita em 50 lojas da Apple nos EUA realizada pela empresa de serviços financeiros Piper Jaffray & Co. em meados de maio, apontou que cerca de três quartos dos estabelecimentos estavam com as vendas do iPad esgotadas completamente. O resto das lojas tinha versões Wi-Fi, mas nenhum modelo com serviço 3G. A página da companhia na Internet informa que todas as novas encomendas do aparelho levarão de 7 a 10 dias para serem entregues.

As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
iPadApple

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.