Apple pagará dividendo e fará recompra de ações

A Apple informou que vai pagar dividendo aos acionistas e recomprar até US$ 10 bilhões em ações. A companhia disse no domingo que faria uma conferência hoje a fim de divulgar os planos para seu caixa, do qual os acionistas cada vez mais têm demandado uma parte. A decisão de pagar dividendo é uma mudança significativa para uma empresa que comumente alegava que necessitava de seu dinheiro para assegurar o fornecimento de componentes para seus produtos.

RENAN CARREIRA, Agencia Estado

19 de março de 2012 | 11h39

O pagamento custará à companhia US$ 9,88 bilhões por ano e terá um yield (retorno ao investidor) de 1,81%, abaixo do atual yield da Microsoft, de 2,45%, e da Intel, de 3,03%. As companhias de tecnologia estão entre as que têm mais fluxo de caixa no mundo corporativo, já que não gastam tanta verba em instalações, imóveis, equipamentos e estoques como fazem fabricantes e varejistas.

Além disso, o conselho da Apple autorizou a recompra de ações, no valor de até US$ 10 bilhões, a partir de 30 de setembro, quando tem início o ano fiscal de 2013. O programa de recompra deve ter duração de três anos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Appledividendorecompra de ações

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.