ArcelorMittal faz baixa contábil de US$ 4,3 bi na Europa

A gigante do setor siderúrgico ArcelorMittal informou nesta sexta-feira, por meio de comunicado, que registrará uma baixa contábil de US$ 4,3 bilhões no quarto trimestre do ano em seus negócios na Europa, onde o fraco cenário econômico puxou para baixo a demanda por aço.

LUCAS HIRATA, Agencia Estado

21 de dezembro de 2012 | 10h05

A demanda por aço na Europa recuou 8,0% em 2012, segundo a empresa, e o declínio acumulado dos últimos cinco anos chega a 29%. "O ambiente de fraca demanda e as expectativas de que isso persistirá no curto e médio prazo levaram a uma revisão para baixo das expectativas de fluxo de caixa", explicou a ArcelorMittal em seu comunicado.

Segundo a ArcelorMittal, a baixa contábil não afetará sua dívida líquida e Ebitda. A situação adversa na Europa contrasta com o contexto dos Estados Unidos, onde o consumo aparente de aço está em alta de quase 8% neste ano e no acumulado desde 2007 está 10% menor. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ArcelorMittalbaixa contábilEuropa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.