Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

ArcelorMittal religará alto-forno 3 no ES até 8 de julho

A ArcelorMittal, maior grupo siderúrgico do mundo, informou nesta quinta-feira que religará até 8 de julho o alto-forno 3 da usina Tubarão, no Espírito Santo. O equipamento está parado desde o final de 2012.

REUTERS

26 de junho de 2014 | 13h14

Segundo a companhia, o alto-forno, com capacidade para 2,8 milhões de toneladas de aço bruto por ano, deverá operar a plena capacidade até meados de agosto.

Parte da produção do equipamento será destinada à usina laminadora em Calvert, no Estado norte-americano de Alabama, comprada da alemã ThyssenKrupp em parceria com a Nippon Steel.

"Com a volta do equipamento, a empresa, localizada em Serra, também retoma a sua capacidade de produção total, reduzida desde a crise mundial de 2008", afirmou a ArcelorMittal em comunicado. A capacidade da usina Tubarão é de 7,5 milhões de toneladas por ano.

A usina, voltada para exportação de placas de aço --produto semi-acabado que pode ser laminado para se transformar em uma série de outros itens como capôs para carros e tubulações para petróleo-- vem desde então intercalando reformas em seus três altos-fornos, aguardando pela recuperação dos mercados.

A retomada do alto-forno 3 contribuirá para diluir os custos fixos da usina, disse o presidente da ArcelorMittal para América do Sul, Benjamin Baptista, no final do ano passado.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIAARCELORMITTAALTOFORNOTRES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.