Atento, da Bain Capital, busca avaliação de US$1,6 bi em IPO

A operadora espanhola de call centers Atento, controlada pela empresa de private equity Bain Capital Partners, disse esperar que sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) seja precificada entre 19 e 22 dólares por ação, avaliando a companhia em até 1,6 bilhão de dólares.

REUTERS

12 de setembro de 2014 | 08h49

No teto da faixa de preço esperada, o IPO provavelmente captará cerca de 321,8 milhões de dólares.

A Bain Capital comprou a Atento da Telefónica, maior operadora de telecomunicações da Europa em receita, em 2012, por cerca de 1 bilhão de euros (1,3 bilhão de dólares), incluindo dívidas.

Na oferta de cerca de 14,6 milhões de ações, a Atento vai oferecer 4,1 milhões de ações e a acionista Atalaya venderá o restante.

A participação da Bain Capital na Atento vai cair para 75,3 por cento ante 98,2 por cento se os subscritores exercerem totalmente suas opções.

A Atento, que opera suporte técnico, back offices e outros tipos de suporte, tem cerca de 153 mil funcionários, com cerca da metade deles no Brasil.

A companhia foi formada em 1999 como uma cisão do negócio de call center da Telefónica na Espanha, Peru e Chile.

O prejuízo da Atento atribuível a acionistas cresceu para 24,3 milhões de dólares nos seis meses encerrados em junho ante 23,1 milhões de dólares no ano anterior. A receita caiu cerca de 1,2 por cento para 1,15 bilhão de dólares.

(Por Avik Das)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASATENTOIPO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.