Áudios da Agência Estado analisam tendências de economia e política

Internauta tem acesso a entrevistas com fontes relevantes, autoridades do governo e prêmios Nobel

Equipe AE,

14 de outubro de 2007 | 20h04

Um dos serviços de destaque da Agência Estado, o AE Broadcast Ao Vivo, comemora este mês a marca de 1.000 entrevistas e apresenta parte deste acervo para internautas do estadao.com.br. Ao longo dos próximos dias, os internautas poderão acessar os áudios exclusivos de entrevistas realizadas com personalidades do mundo econômico e financeiro. Agência Estado comemora a marca de mil entrevistasOuça avaliação sobre alta do calote no varejo  Ricardo Amorim inaugura o serviço em agosto de 2002  Ouça entrevistas selecionadas por nossos editores  Conheça a história da Agência Estado  Veja como as entrevistas são produzidasAE Broadcast é base para tomada de decisãoAE responde à popularização do mercadoTecnologia robusta garante rapidez, precisão e transparência na divulgação de 40 mil cotações Desde sua criação, os clientes da Agência Estado acompanham diariamente, nos 15 mil terminais da empresa, as análises de fatos que acabaram de ser divulgados e as avaliações dos cenários de médio e longo prazo feitas por personalidades dos cenários nacional e mundial. As entrevistas abrem espaço a dirigentes com poder de decisão na economia, nas finanças e na política. Formadores de opinião, técnicos e analistas do mercado financeiro e lideranças do agronegócio e do mundo corporativo falam sobre os temas mais relevantes do momento. Fontes de informações relevantes e autoridades governamentais são presença obrigatória num produto como o AE Broadcast. Em cinco anos de existência, foram entrevistados os dirigentes do Banco Central, os ministros da Fazenda e os presidentes de estatais, de bancos e de companhias privadas de peso na economia brasileira e nas bolsas de valores. Lideranças dos segmentos financeiro e corporativo, como os presidentes da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) e da Federação Brasileira das Associações de Bancos (Febraban) estão entre os entrevistados. O debate de idéias também tem lugar especial no AE Broadcast Ao Vivo. Economistas de renome no cenário mundial, como Paul Krugman e Noriel Roubini, foram ouvidos, assim como os prêmios Nobel Harry Markowitz, Joseph Stiglitz e Robert Shiller. No cenário nacional, houve destaque para os grandes nomes da análise econômica brasileira, da academia e do mercado, como Delfim Netto, José Roberto Mendonça de Barros, Gustavo Franco, José Márcio Camargo, Ilan Goldfajn, Armínio Fraga e Luiz Fernando Figueiredo. Momento oportuno e análise objetiva pautam o serviço. Logo após o Brasil ter recebido a última melhora na nota de classificação de risco pela agência Standard and Poor's, por exemplo, a diretora da agência concedeu uma entrevista em primeira mão para o serviço. No escândalo do Mensalão, o presidente da CPI, senador Delcídio Amaral, chegou a atrasar por alguns minutos o início de uma das sessões. Ele estava avaliando os rumos das investigações ao vivo no AE Broadcast - uma entrevista acompanhada não apenas por investidores, mas também nos gabinetes políticos que usam o sistema da Agência Estado em Brasília.  A diversidade de fontes não encontra fronteiras. Personalidades são entrevistadas ao vivo nos quatro pontos do planeta: Nova York, Miami e San Diego, nos EUA; e Londres, no Reino Unido. De Pequim, na China, um representante do governo brasileiro anunciou, em primeira mão, acordo com o governo chinês em torno da importação de produtos têxteis. Onde quer que esteja, quem tem voz na economia, na política e nos negócios fala para o AE Broadcast ao Vivo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.