Azul desiste de registro de companhia aberta na CVM

A Azul informou que protocolou um pedido de desistência do processo de registro de companhia aberta na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) em razão de "condições macroeconômicas desfavoráveis", segundo a companhia.

NATALIA GÓMEZ, Agencia Estado

27 de março de 2014 | 16h22

A empresa havia entrado com o pedido de companhia aberta em 25 de fevereiro. Em 2013, a CVM havia indeferido a proposta da companhia, sendo que o ponto mais polêmico referia-se à emissão de ações "super preferenciais".

Mais tarde, em janeiro deste ano, o colegiado da CVM havia dado aval ao registro de companhia aberta da empresa. A oferta de ações da Azul era estimada em R$ 1 bilhão.

Tudo o que sabemos sobre:
AzulCVM

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.