Azul negocia compartilhamento de voos com TAP

O fundador e presidente da Azul, David Neeleman, afirmou nesta quarta-feira, 30, que a Azul está negociando um acordo de code share (compartilhamento de voos) com a TAP. A empresa é membro da star Alliance e hoje possui parceria com a TAM, também membro da aliança, para conexões no Brasil. Mas, a partir de abril, a aérea brasileira deixará essa associação e migrará para Oneworld, da qual a LAN faz parte. Com essa saída, provavelmente a TAP precisará de uma nova parceira nacional, explicou.

LUCIANA COLLET E ANNA CAROLINA PAPP, Agencia Estado

30 de outubro de 2013 | 13h01

Neeleman reiterou que não tem a intenção de comprar a companhia portuguesa TAP. Ele avaliou, porém, que seria bom para o País se algum brasileiro fosse dono da TAP, lembrando que a aérea portuguesa realiza diversos voos para o Nordeste. "Se alguém quiser comprar, a gente ajuda", disse, sem explicar como. Questionado se ele entraria em um consórcio para realizar a aquisição, ele negou.

Tudo o que sabemos sobre:
azulTAPcompartilhamento de voos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.