Basf vende maior parte de unidade de fertilizantes à EuroChem

A EuroChem, controlada pelo magnata russo Andrei Melnichenko, concordou em comprar a maior parte da unidade de fertilizantes de nitrogênio da Basf por cerca de 700 milhões de euros (943 milhões de dólares).

REUTERS

27 de setembro de 2011 | 11h10

A Basf, maior empresa química do mundo em vendas, disse em um comunicado divulgado nesta terça-feira que planeja concluir as transações até o final do primeiro trimestre de 2012.

A empresa anunciou no início deste ano que iria vender as unidades principais de seu negócio de fertilizantes, que está sob pressão de produtores de baixo custo no Oriente Médio, como Saudi Basic Industries.

O presidente-executivo da EuroChem disse que o acordo vai impulsionar os negócios na Europa.

"A aquisição ... é um marco importante na estratégia de crescimento da EuroChem para aumentar sua exposição no mercado europeu", disse ele em um comunicado.

(Por Ludwig Burger)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASBASFVENDA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.