BB Mapfre tem lucro de R$ 1,2 bilhão em 2013

O Grupo BB Mapre, que reúne as carteiras da bandeira Mapfre e dos produtos em parceria com o Banco do Brasil, apresentou lucro líquido recorrente de R$ 1,2 bilhão em 2013, montante 32,3% maior que em 2012. No critério não recorrente, a cifra ficou em R$ 1,4 bilhão, aumento de 58,5%. O resultado, conforme a companhia, foi beneficiado pela adesão ao Refis.

ALINE BRONZATI, Agencia Estado

27 de fevereiro de 2014 | 14h01

"2013 foi o melhor ano da nossa história até aqui. Conseguimos nos últimos três anos conduzir o processo de associação com o BB, crescendo, gerando resultados e empregando mais pessoas", avaliou Marcos Ferreira, diretor presidente do BB Mapfre de seguros gerais e auto, em coletiva de imprensa, nesta quinta-feira, 27.

Os prêmios emitidos pelo grupo somaram R$ 14 bilhões no ano passado, alta de 24,2% ante 2012. A sinistralidade ficou em 46,9% ante 51,1% no ano anterior, com uma melhora de 4,2%.

O resultado financeiro do BB Mapfre ficou em R$ 500 milhões em 2013, queda 19% em relação a 2012. "Tivemos uma menor dependência de resultado financeiro (menos dois pontos porcentuais) em 2013, mas a expectativa é que tenhamos um bom resultado financeiro neste ano em meio às taxas de juros mais elevadas. Esperamos que volte a crescer em 2014", disse Ferreira.

O resultado operacional da BB Mapfre somou R$ 1,8 bilhão em 2014, cifra 26,7% maior que a vista em 2012. Apesar da expectativa de melhora do resultado financeiro para 2014, isso não muda, conforme ele, o foco da empresa em eficiência operacional. No ano passado, o índice combinado, que mede a eficiência operacional das seguradoras, ou seja, quanto menor, melhor, recuou 2,7 p.p. ante 2012, para 89,7%.

O diretor presidente do BB Mapfre, Roberto Barroso, acrescentou que o mercado de seguros em geral trabalha com uma expectativa de um melhor resultado financeiro e que, na companhia, o montante final não depende somente do comportamento da Selic embora a taxa tenha relevância no resultado. "Vamos expor nossos títulos a menos volatilidade, aplicando mais em títulos até o vencimento do que os marcados a mercado", explicou ele.

O patrimônio líquido do BB Mapfre fechou 2013 em R$ 5 bilhões, alta de 1,9% ante 2012, de R$ 4,9 bilhões. Os ativos totais foram a R$ 21,6 bilhões, aumento de 15,9%, na mesma base de comparação. As aplicações totalizaram R$ 8,3 bilhões, estáveis.

Tudo o que sabemos sobre:
BB Mapfrelucro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.