BC da China eleva taxa de juros pela primeira vez desde dezembro de 2007

Juro subiu 0,25 ponto porcentual, em resposta à elevação das pressões de alta na inflação

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

19 de outubro de 2010 | 09h21

O Banco do Povo da China anunciou elevação das taxas de depósito e de empréstimo em 0,25 ponto porcentual pela primeira vez desde dezembro de 2007. A elevação é a mais forte demonstração dos esforços recentes de Pequim para reduzir medidas de estímulo à economia introduzidas durante a crise financeira global de 2008 e também responde a uma elevação das pressões de alta na inflação.

O BC informou em nota que a taxa de empréstimo em yuan para um ano foi elevada para 5,56%, de 5,31%, e que a taxa de depósito em yuan para um ano subiu para 2,5%, de 2,25%.

A inesperada elevação do juro pela China pode ser um sinal de que o PIB do terceiro trimestre e os índices de preços de setembro, que serão divulgado na quinta-feira, devem ter superado as projeções, fazendo do esfriamento da economia e da inflação uma missão mais urgente para Pequim nesse momento.

Segundo pesquisa conduzida com 14 economistas ouvidos pela Dow Jones, espera-se expansão de 9,5% do PIB no terceiro trimestre, inferior ao crescimento de 10,3% registrado no segundo trimestre. O CPI deve subir 3,6% em setembro, de acordo com os economistas, acelerando levemente da alta de 3,5% em agosto. A mídia local chega a prever um aumento de até 3,9% do CPI em setembro, superando a meta oficial de 3% este ano.

Crescimento

Para os próximos anos, a China deverá buscar mais qualidade e menos quantidade em seu crescimentoeconômico. O Plano Quinquenal para o período 2011-2015 começou a serdiscutido sexta-feira na reunião anual do Comitê Central do PartidoComunista e terminou na segunda-feira. O documento dará as linhas gerais para aatuação do governo nesse período, com estabelecimento de prioridades edefinição de metas específicas.

A mudança de tom poderá ser dada pela redução do crescimentoprojetado para o período, que sempre ficou abaixo do efetivamentealcançado. O plano em vigor prevê expansão anual de 7,5%, mas, a partirde 2006, os índices foram de 11,6%, 13%, 9,6% e 9,1%. No primeirosemestre deste ano, a taxa atingiu 11,1%.

(Com informações de Claudia Trevisan, de O Estado de S. Paulo)



As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaBanco CentralBanco do Povo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.