Berlusconi diz que Lufthansa está fora da disputa pela Alitalia

A janela de oportunidade para que a Lufthansa fizesse uma oferta pela Alitalia chegou ao fim, afirmou neste domingo o primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi, confirmando a aliança entre a empresa italiana e a Air France-KLM. A Alitalia deve aprovar a venda de 25 por cento de participação para a Air France-KLM na segunda-feira, mas Berlusconi vinha dizendo, ate agora, que a Lufthansa ainda poderia fazer uma oferta. A empresa alemã ainda não se retirou oficialmente das negociações. Mas faltando apenas um dia para o anuncio da aliança com a companhia francesa, Berlusconi disse que o tempo da Lufthansa chegou ao fim. "Eu não acredito que haja mais tempo para a Lufthansa entrar nas negociações entre a Alitalia e a Air France-KLM", disse Berlusconi durante encontro de seu partido político, informou a mídia italiana. (Texto de Deepa Babington)

REUTERS

11 de janeiro de 2009 | 11h13

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASALITATIALUFTHANSA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.