BM&F tem lucro líquido de R$85,1 mi no 1o trimestre

A Bolsa de Mercadorias & Futuros-BM&FS/A encerrou o primeiro trimestre do ano com um lucro líquidoajustado de 85,019 milhões de reais, número 24,5 por centosuperior aos últimos três meses de 2007. A companhia, que na semana passada oficializou a fusão dasoperações com a Bovespa, dando origem à BM&F Bovespa S/A,registrou geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes dejuros, impostos, depreciação e amortização) ajustado de 85,162milhões de reais, 34,7 por cento maior do que a auferida noquarto trimestre do ano passado. A receita operacional líquida da BM&F somou 143,294 milhõesde reais, aumento de 13,5 por cento sobre os 126,297 milhões dereais do período anterior. A margem Ebitda ajustada passou de 50,1 por cento para 59,4por cento. Segundo o comunicado divulgado pela companhia, "apesar dorecrudescimento da crise do mercado imobiliário norte-americano(subprime)", o volume de contratos negociados aumentou 14,6 porcento no trimestre, para 105,3 milhões.(Reportagem de Alexandre Caverni)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.