BNDES libera R$ 445,7 mi para 8 parques eólicos no RS

A diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 445,7 milhões para a construção de oito parques eólicos no Rio Grande do Sul. Juntas, as usinas terão capacidade instalada de 150 megawatts (MW) e consumirão um investimento total de R$ 725,2 milhões. Todas as unidades estarão em operação comercial até 2013, gerando cerca de 2,3 mil empregos diretos e indiretos, informou a nota do BNDES.

ALEXANDRE RODRIGUES, Agencia Estado

28 de julho de 2011 | 16h23

Os tomadores dos financiamentos são três Sociedades de Propósito Específico (SPEs): Parques Eólicos Palmares S/A (R$ 153,6 milhões); Ventos da Lagoa S/A (R$ 150,8 milhões) e Ventos do Litoral Energia S/A (R$ 141,2 milhões).

O BNDES também fez um balanço de suas aprovações nesse segmento de geração de energia nos últimos anos. Desde 2005, o banco já aprovou financiamentos de R$ 4,5 bilhões para investimentos em usinas eólicas, que respondem por uma capacidade instalada de 1.520 MW. O banco tem ainda outros R$ 4,2 bilhões referentes a novos projetos para o setor eólico.

Tudo o que sabemos sobre:
energia eólicafinanciamentoBNDESRS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.