Boeing deve atrasar entrega de versão maior do 787, diz jornal

A Boeing deve atrasar a primeira entrega de uma versão maior de seu 787 Dreamliner de 2013 para 2014, afirmou o jornal West Australian nesta segunda-feira.

REUTERS

25 de julho de 2011 | 19h02

O jornal não citou fontes para a informação sobre o cronograma das entregas do 787-9, que acomodará entre 250 e 290 passageiros. Um porta-voz da Boeing afirmou que a entrega do avião "ainda está programada para o fim de 2013".

O 787-8, primeira versão do Dreamliner que pode transportar entre 210 e 250 passageiros, tem sua primeira entrega prevista para o terceiro trimestre de 2011.

A entrega da aeronave, leve e composta de fibra de carbono, já está três anos atrasada devido a complicações na complexa cadeia de fornecimento global. A Boeing recebeu encomendas de 827 unidades do Dreamliner.

A segunda maior fabricante mundial de aviões comerciais enfrenta agora a tarefa de aumentar a produção do modelo para até 10 aeronaves ao mês.

"Duvidamos de que investidores ficarão muito surpresos com outro revés para o 787", disse o analista Robert Stallard, da RBC Capital Markets, em relatório.

"No entanto, ainda é provável que a cristalização dessas preocupações não melhore o sentimento do investidor", disse.

A Boeing deve divulgar resultados do seu segundo trimestre na quarta-feira.

(Reportagem de Kyle Peterson)

Tudo o que sabemos sobre:
AEREASBOEINGDREAMLINER*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.