Boeing sai do prejuízo para o lucro de US$ 837 milhões no 3º trimestre

Empresa previu que seu lucro em 2010 ficará entre US$ 3,80 por ação a US$ 4,00 por ação

Cynthia Decloedt, da Agência Estado,

20 de outubro de 2010 | 11h27

A fabricante de aeronaves norte-americana Boeing anunciou lucro líquido de US$ 837 milhões no terceiro trimestre deste ano, recuperando-se de um prejuízo de US$ 1,56 bilhão no mesmo período do ano passado, provocado por US$ 3,6 bilhões em perdas relacionadas ao desenvolvimento da aeronave para voos comerciais 787 Dreamliner e de cargas 747-8 Freighter. A companhia também elevou sua projeção de ganho para o ano e suas ações sobem mais de 2% no pré-mercado.

O lucro por ação foi de US$ 1,12 no terceiro trimestre, ante prejuízo de US$ 2,23 no mesmo período do ano passado. As entregas de ambas aeronaves continuam atrasadas. A entrega das primeiras aeronaves 787 estão previstas para o primeiro trimestre de 2011 e da 747-8 F para meados de 2011. As receitas subiram 2% para US$ 17 bilhões no terceiro trimestre.

Os resultados superaram a previsão dos analistas ouvidos pela Thomson Reuters de US$ 1,06 por ação a partir de US$ 16,81 bilhões em receitas. A Boeing previu que seu lucro em 2010 ficará entre US$ 3,80 por ação a US$ 4,00 por ação, acima da estimativa anterior de ganho entre US$ 3,50 a US$ 3,80 por papel.

O chairman e executivo-chefe da Boeing, Jim McNerney, disse que os números refletem "sólido desempenho da produção de aeronaves comerciais e dos programas de serviços, além da habilidade de nossas operações de defesa na produção de sólidos resultados no atual ambiente desafiador".

As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
Boeingaviação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.