Boi: EUA estudam suspender embargo à importação de carne do Canadá

São Paulo, 22 - O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, dará início a um processo para retirar o embargo às importações de gado e carne bovina do Canadá, anunciou no sábado (20) o primeiro-ministro canadense Paul Martin. Após participar do encontro da Associação de Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico (APEC), o presidente Bush prometeu requerer ao Escritório de Administração e Orçamento o início do processo, que pode durar meses, para a suspensão do embargo. Os EUA suspenderam as importações de carne do Canadá em maio de 2003, depois da descoberta de um caso de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), ou mal da vaca louca, na província de Alberta. O país chegou a liberar a importação de alguns tipos de carne, mas manteve a proibição para a compra de animais vivos. A estimativa dos produtores canadenses é de perdas de mais de US$ 2 bilhões no período. A revisão pode demorar até 90 dias e as exportações para os EUA poderão ser retomadas 2 meses após o encerramento do processo. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.