Bolsa de Londres fecha em alta de 0,1% e acumula queda de 5,6% no ano

Última sessão de 2011 foi marcada por volumes muito baixos de negócios

Danielle Chaves, da Agência Estado,

30 de dezembro de 2011 | 11h31

LONDRES - O índice FTSE-100 da Bolsa de Londres fechou o último pregão de 2011 com alta de 0,10%, aos 5.572,28 pontos, abaixo do nível de 5.899,94 pontos em que encerrou o ano passado. Com isso, o índice acumulou queda de 5,6% no ano. A última sessão de 2011 foi marcada por volumes muito baixos de negócios, com os poucos participantes do mercado que realmente operaram preferindo manter a cautela na entrada de 2012.

BG Group terminou a sessão com avanço de 0,44%, beneficiado pela notícia de que sua parceira no Brasil, a Petrobrás, fez ontem uma declaração de comercialidade da área de Guará, no pré-sal da Bacia de Santos. Entre as ações do setor bancário, um dos mais prejudicados pela crise europeia neste ano, Lloyds Banking Group subiu 1,67% e Barclays ganhou 0,89%.

Os investidores provavelmente ficarão satisfeitos em deixar para trás um ano em que as preocupações com a crise de dívida da zona do euro pesou fortemente sobre os mercados, embora não se saiba se 2012 será melhor. A Bolsa de Londres voltará a operar na terça-feira, dia 3 de janeiro.

Frankfurt

O índice DAX da Bolsa de Frankfurt fechou o pregão desta sexta-feira, 30, com alta de 0,85%, aos 5.898,35 pontos, após uma sessão tranquila de encerramento do ano. Depois de ter operado em baixa no começo do dia, todos os componentes do índice passaram a subir, com destaque para a cimenteira HeidelbergCement, que avançou 2,1%.

No setor financeiro, um dos mais prejudicados pelas preocupações com a crise de dívida europeia neste ano, Commerzbank subiu 1,7%. A empresa de energia E.ON e a seguradora Munich Re avançaram 1,4%. As montadoras também se recuperaram, após serem pressionadas no início da sessão pela informação de que o governo da China quer retirar o suporte para investimento estrangeiro na indústria automotiva do país. BMW subiu 0,8% e Volkswagen ganhou 0,7%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsa de londres2011

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.