Brasil deve exportar US$ 2,4 bilhões em carne bovina em 2004

São Paulo, 13 - As exportações brasileiras de carne bovina devem terminar 2004 com uma receita em torno de US$ 2,4 bilhões, de acordo com estimativa do presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), Marcos Vinícius Pratini de Moraes. Segundo Pratini, o Brasil está conseguindo aumentar suas exportações e manter sua receita elevada, conseguindo um crescimento maior de receita que de volume. "Estamos em um processo de recuperação dos preços da carne bovina brasileira no exterior. Não queremos apenas exportar volume a preços baixos", explica. De janeiro a agosto de 2004, a receita obtida com as exportações ficaram em US$ 1,555 bilhão, acima do registrado em todo o ano de 2003, quando a receita ficou em torno de US$ 1,5 bilhão. Este resultado do acumulado entre janeiro e agosto de 2004 representa um crescimento de 78% em relação ao mesmo período do ano passado. Em relação a volume exportado, o crescimento foi de 40%, passando de 859 mil t equivalente carcaça (ou 504,3 mil t) para 1,2 mil toneladas equivalente carcaça (ou 717,7 mil t). As exportações estão crescendo tanto para clientes antigos como para novos mercados. Pratini ressalta que os maiores compradores de carne brasileira foram a Rússia, o Chile, o Irã, o Egito e a Argélia. Os mercados que tem registrado maior crescimento tem sido, contudo, o Irã, a Rússia, as Filipinas, a Holanda e a Itália.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.