Brasil está em 72º lugar em ranking mundial de inclusão digital

Ranking é liderado pela Suécia e pela Islândia; excluído do índice o acesso a celular, o Brasil sobe para a 70º colocação

Vinícius Neder, da Agência Estado,

31 de julho de 2012 | 11h59

O Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas (FGV) lançou nesta terça-feira o Índice Integrado de Telefonia, Internet e Celular (Itic), colocando o Brasil na média mundial, com 51,3% da população. O novo indicador, com base em dados de pesquisa global do instituto Gallup em 161 países, mede o acesso das pessoas a celular, internet via computador, telefone fixo e computador sem acesso à rede.

O Brasil está em 72º lugar no ranking liderado pela Suécia (95,8%) e pela Islândia (95,5%). Excluído do índice o acesso a celular, o Itic do Brasil cai para 39,3% da população, mas sobe para 70º no ranking global.

"O celular é fundamental para a inclusão digital", afirmou o economista Marcelo Neri, professor da Escola de Pós-graduação em Economia (EPGE) e pesquisador do CPS/FGV, coordenador do estudo.

Lançado nesta terça-feira no Rio, o Itic foi elaborado pelo CPS/FGV com apoio da Fundação Telefônica.

Tudo o que sabemos sobre:
inclusão digitalIticFGV

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.