Soraya Ursine/Estadão
Soraya Ursine/Estadão

Brasil ganha espaço em Cannes Lions, com alta de 31% em inscrições

Ao todo, mais de 25 mil trabalhos de todo o mundo disputam Leões e Grand Prix (Grande Prêmio) do festival de criatividade

Fernando Scheller, O Estado de S.Paulo

17 de junho de 2022 | 16h47

O Brasil chega à primeira edição presencial do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade desde 2019 com uma demonstração de força. Segundo dados divulgados pela organização do evento, houve um crescimento de 31% nas inscrições de peças brasileiras em relação à edição do ano passado. O Brasil foi um dos países que mais cresceram em trabalhos inscritos, ao lado da Índia, que avançou 32%.

Em relação à participação brasileira, o festival destacou que o apetite das agências e anunciantes locais indica “uma forte posição brasileira, depois de o País ter conquistado três Grandes Prêmios no ano passado; além disso, de forma consistente o Brasil é a terceira mais premiada ao redor do mundo”. A expansão das inscrições brasileiras ficou bem acima do avanço da América Latina, que foi de 12%.

Disputa

Ao todo, de acordo com a organização de Cannes Lions, um total de 25.464 peças publicitárias e de marketing vão disputar Leões e Grand Prix na edição de 2022. 

Uma das novas categorias introduzidas neste ano, a Creative B2B, que premia as campanhas desenvolvidas para o segmento que atende a clientes corporativos, teve 415 inscrições, sendo 269 no segmento de serviços e 146 na área de produtos. 

A distribuição dos cobiçados Leões do Festival começa já no primeiro dia do evento, a próxima segunda-feira, quando os resultados de cinco categorias serão revelados, incluindo as áreas de Outdoor (campanhas para mídia externa) e Print (impressa).

Tudo o que sabemos sobre:
Mídia & MktCannes Lions

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.