Braskem doa lixeiras plásticas recicladas para SP

A petroquímica Braskem concluirá amanhã o projeto da campanha GP Braskem de Reciclagem, lançada em novembro do ano passado. A última etapa da iniciativa voltada ao estímulo da prática de coleta de resíduos e reciclagem ocorrerá amanhã, quando a companhia doará 500 mobílias urbanas para a cidade de São Paulo. As peças, entre elas lixeiras e jardineiras, foram produzidas pela Plásticos Suzuki a partir da arrecadação de 13,5 toneladas de resíduos plásticos, entre os dias 4 e 28 de novembro, em cinco parques localizados em diferentes regiões da São Paulo e no Autódromo de Interlagos durante os três dias da etapa brasileira da Fórmula 1.

EQUIPE AE, Agencia Estado

21 de janeiro de 2011 | 16h44

A cerimônia de entrega da mobília urbana ocorrerá no Parque da Ciência, em Cidade Tiradentes, zona leste da capital paulista. Durante o evento, a petroquímica também entregará à Prefeitura de São Paulo os dados preliminares de um estudo inédito sobre a situação das cooperativas de reciclagem de lixo na cidade, elaborado pelo Grupo de Aplicação Interdisciplinar à Aprendizagem (Gaia) a pedido da Braskem. A versão completa do estudo deverá estar concluída no final de fevereiro.

O GP Braskem de Reciclagem foi uma parceria da Braskem com a Prefeitura de São Paulo e a Plastivida, e envolveu cinco cooperativas para a seleção dos materiais e a pesagem dos resíduos plásticos: Cooperativa da Capela do Socorro, Corpore Centro, União de Itaquera, Central do Tietê e Coperviva Bem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.