Braskem vê seu lucro cair 94,5% no 4º trimestre de 2013

A petroquímica Braskem, maior produtora de resinas termoplásticas nas Américas, lucrou R$ 15 milhões no quarto trimestre de 2013, montante 94,5% inferior ao registrado em igual intervalo de 2012. A retração, tendência já esperada por analistas que acompanham o setor, é sustentada principalmente pelo impacto da variação do dólar no resultado financeiro e pelo efeito provocado pela parada para manutenção no polo de Camaçari (BA) nos indicadores operacionais.

ANDRÉ MAGNABOSCO, Agencia Estado

13 de fevereiro de 2014 | 10h06

Por causa da valorização de 5% do dólar ao longo do trimestre, o resultado financeiro líquido ficou negativo em R$ 467 milhões entre outubro e dezembro, contra R$ 610 milhões negativos do quarto trimestre de 2012. Vale destacar que desde o balanço do segundo trimestre a Braskem adotou a chamada contabilidade de hedge, uma prática contábil que reduz o impacto da variação cambial sobre o resultado financeiro. Não fosse isso, a despesa financeira líquida trimestral seria mais expressiva.

Já o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortizações) ajustado, indicador que melhor dimensiona a capacidade de geração de caixa da companhia, alcançou R$ 1,175 bilhão entre outubro e dezembro, queda de 16% ante o mesmo intervalo de 2012 em função principalmente da parada em Camaçari, além da elevação dos custos com a compra de nafta. A margem Ebitda ficou em 10,3% no quarto trimestre, contra 14,9% do quarto trimestre de 2012 e 15,4% do terceiro trimestre de 2013.

A receita líquida da Braskem no trimestre totalizou R$ 11,446 bilhões, o que representa uma expansão de 22% na comparação com o mesmo intervalo de 2012. No acumulado de 2013, a receita alcançou R$ 40,969 bilhões, acréscimo de 13% em relação ao ano anterior puxada principalmente pelo dólar mais favorável às exportações. A Braskem continua, assim, entre as maiores empresas do Brasil em termos de faturamento.

Ainda no acumulado anual, a Braskem reportou lucro líquido de R$ 507 milhões, contra um prejuízo de R$ 738 milhões em 2012. O Ebitda ajustado totalizou R$ 4,813 bilhões, incremento de 22% na comparação com o ano anterior.

Tudo o que sabemos sobre:
Braskembalanço4º trimestre 2013

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.