Burger King lucra US$ 60,4 mi no 1º trimestre

O Burger King, rede de lanchonetes controlada pela empresa de private equity brasileira 3G Capital, anunciou nesta sexta-feira, 25, lucro líquido de US$ 60,4 milhões no primeiro trimestre deste ano, 69% superior ao ganho de US$ 35,8 milhões registrado em igual período de 2013. Na mesma comparação, o lucro por ação subiu a US$ 0,17, de US$ 0,10. O ganho ajustado por ação ficou em US$ 0,20. A receita caiu 26%, a US$ 240,9 milhões. Com ajustes, porém, a receita subiu 6,9%.

AE, Agencia Estado

25 de abril de 2014 | 10h08

O lucro superou as expectativas, mas a receita ficou ligeiramente abaixo do esperado. Analistas consultados pela Thomson Reuters previam ganho ajustado por ação de US$ 0,19 e receita de US$ 241,3 milhões. Por volta das 8h45 (de Brasília), não havia negócios ainda com ações do Burger King no pré-mercado em Nova York.

As vendas no conceito mesmas lojas (abertas há pelo menos um ano) subiram 2% no primeiro trimestre ante o mesmo intervalo do ano passado. Apenas nos EUA e Canadá, o aumento nas vendas foi de 0,1%. As despesas dos restaurantes da rede, por sua vez, caíram 86%, a US$ 15,5 milhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Burger Kingbalanço1º trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.