Cade aprova fusão entre BM&F e Bovespa sem restrições

O Conselho Administrativo de DefesaEconômica (Cade), do Ministério da Justiça, aprovou nestaquarta-feira a fusão entre a Bolsa de Valores de São Paulo(Bovespa) e a Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), semrestrições. "Foi aprovada sem restrições", informou o órgão que regulaa defesa da concorrência, por meio de sua assessoria deimprensa. A fusão entre ambas foi anunciada em 25 de abril, dandoorigem à terceira maior bolsa do mundo, por valor de mercado. Na semana passada, a BM&F Bovespa, nome da nova empresa,protocolou o pedido de registro de companhia aberta na Comissãode Valores Mobiliários (CVM). O presidente do Conselho de Administração da BM&F Bovespa,Gilberto Mifano, disse que até meados de agosto acontecerá aunificação das ações num único papel, que será negociado nopregão da Bovespa. (Reportagem de Aluísio Alves)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.