Cade aprova fusão entre BM&F e Bovespa sem restrições

O Conselho Administrativo de DefesaEconômica (Cade), do Ministério da Justiça, aprovou nestaquarta-feira a fusão entre a Bolsa de Valores de São Paulo(Bovespa) e a Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), semrestrições. "Foi aprovada sem restrições", informou o órgão que regulaa defesa da concorrência, por meio de sua assessoria deimprensa. A fusão entre ambas foi anunciada em 25 de abril, dandoorigem à terceira maior bolsa do mundo, por valor de mercado. Na semana passada, a BM&F Bovespa, nome da nova empresa,protocolou o pedido de registro de companhia aberta na Comissãode Valores Mobiliários (CVM). O presidente do Conselho de Administração da BM&F Bovespa,Gilberto Mifano, disse que até meados de agosto acontecerá aunificação das ações num único papel, que será negociado nopregão da Bovespa. (Reportagem de Aluísio Alves)

REUTERS

09 de julho de 2008 | 14h12

Mais conteúdo sobre:
EMPRESASBMFBOVESPACADE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.