Café/Cenário: fundo reduz saldo vendido; Nybot deve andar de lado

São Paulo, 30 - Os contratos futuros de café na Nybot, de Nova York, fecharam a semana com alta de 4,8%, passando de 70,20 cents por libra-peso para 73,60 cents, base dezembro. Na sexta-feira, porém, o contrato recuou 1,14% (menos 85 pontos), a 73,60 cents. A máxima do contrato alcançou 25 pontos, a 74,70 cents. Boa parte da puxada da semana ocorreu em virtude de movimento especulativo. Os fundos pararam de vender agressivamente, favorecendo o mercado, informa o broker Raul Rosa, da Link Corretora. Na segunda-feira passada, o mercado avançou bem por causa da elevada posição vendida mostrada pelos fundos na sexta-feira. O relatório da Commodity Futures Trading Commission (CFTC) para esta semana, no entanto, não é tão positivo. Os fundos de investimento reduziram o saldo líquido vendido para 16.943 lotes. O resultado pode ser considerado neutro a levemente baixista, já que as previsões de mercado, estimavam saldo de cerca de 18 mil lotes. No relatório anterior, do dia 17 de agosto, os fundos estavam com saldo vendido de 17.991 lotes. Raul Rosa considera que o mercado pode estar entrando em movimento lateral, com viés de alta. Isso porque origens têm vendido pouco nos atuais níveis. O único senão é a ação agressiva de venda pelos fundos. A Organização Internacional do Café (OIC) deve divulgar entre hoje e amanhã o volume dos embarques mundiais referente ao mês de julho. Em junho, segundo a OIC, a exportação mundial de café alcançou 8.931.400 sacas, resultado 16% superior ao mesmo mês do ano passado. Uma frente fria provocou chuvas em algumas áreas produtoras de café do Brasil no fim de semana. A colheita continua atrasada e estima-se que cerca de 40% da safra ainda não foi colhida. Os trabalhos devem avançar nesta semana, já que não há previsão de chuvas. Os produtores continuam segurando a produção. Na quinta-feira, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou a liberação de R$ 350 milhões para custeio da safra de café que começa a ser colhida em abril de 2005. Desse total, R$ 300 milhões serão para a agricultura comercial com taxas de juros de 9,5% ao ano. Os R$ 50 milhões restantes serão destinados à agricultura familiar com taxa de juros de 4% ao ano para cafeicultores com renda anual bruta de até R$ 40 mil. Os contratos futuros de café robusta não operam hoje na Bolsa de Londres (Liffe), por causa de feriado bancário. Sem espelho, a Nybot tem chamada técnica inalterada. No momento, dezembro sobe 20 pontos na BM&F de São Paulo, a US$ 82,50 a saca de 60 kg. (Tomas Okuda, segue) O mercado físico de café encerrou a semana com vendedores praticamente ausentes dos negócios, principalmente por causa da proximidade do fim de semana e da queda dos preços no mercado futuro na sexta-feira. Mesmo assim, quem tinha necessidade de cumprir compromissos vendeu alguns lotes. As cooperativas mostraram maior interesse de venda na sexta. Segundo um corretor de Santos (SP), na parte da manhã a Cooperativa dos Cafeicultores de Três Pontas (Cocatrel), no sul de Minas, teria vendido a saca a R$ 203, com 16% de catação. O comentário era de que o comprador seria a Casas Sendas. Ainda pela manhã, a Mitsui teria comprado café fino de Varginha, a R$ 206, com 10% de catação. No entanto, até o fim da tarde não houve confirmação do negócio. À tarde, depois do fechamento da bolsa de Nova York, esse mesmo produto foi cotado a R$ 205 a saca. No início da semana passada, com a forte da bolsa, café fino chegou a ser vendido a R$ 210, embora muitos vendedores insistissem em pedir R$ 215 a saca. Café bebida riada, da zona da mata mineira, faturado, posto em Varginha, tinha oferta de compradores a R$ 175, sem confirmação de venda. O Indicador Esalq/BM&F, a prazo, subiu 2,92% na semana passada, de R$ 198,24 a saca para R$ 204,04. Em dólar, houve alta de 3, 31%, de US$ 66,84 para US$ 69,05. Confira a seguir os preços no mercado físico e nas bolsas de futuros na última sexta-feira e as variações semanal, mensal e anual: MERCADO INTERNO ARABICA TIPO 6 DURO ------------------------------------------------------------27-ago-04 SEMANAL MENSAL ANUAL------------------------------------------------------------Maringá 190,56 2,54% 3,80% 16,91%Garça 203,33 2,72% 3,98% 24,74%Varginha 202,80 3,07% 4,33% 21,44%Guaxupé 202,31 3,96% 7,16% 19,71%Patrocínio 203,96 2,56% 3,94% 20,69%CONILLON TIPO 7São Gabriel 138,00 3,54% 6,79% 4,55%------------------------------------------------------------INDICADOR ESALQ/BM&F (em sacas de 60 kg)------------------------------------------------------------27-ago-04 SEMANAL MENSAL ANUAL------------------------------------------------------------À Vista R$ 204,04 2,93% 19,34% 19,45%À Vista US$ 69,05 3,31% 20,59% 19,61%A Prazo R$ 205,51 2,92% 19,26% 19,37%------------------------------------------------------------FUTUROS NA BM&F (em US$ por saca de 60 kg)------------------------------------------------------------27-ago-04 SEMANAL MENSAL ANUAL------------------------------------------------------------Set/04 79,90 4,31% 6,04% 20,60%Dez/04 82,30 4,44% 5,51% 19,71%Mar/05 84,80 4,82% 5,34% 23,80%Mai/05 90,00 10,29% 1,69% 30,91%------------------------------------------------------------FUTUROS NA CSCE/NY (em cents de dólar por libra-peso)------------------------------------------------------------27-ago-04 SEMANAL MENSAL ANUAL------------------------------------------------------------Set/04 70,00 5,18% 3,02% 16,47%Dez/04 73,60 4,84% 3,30% 17,85%Mar/05 76,70 4,50% 3,16% 17,82%Mai/05 78,50 4,32% 3,29% 17,78%Jul/05 80,15 4,23% 3,35% 17,52%Set/05 81,75 4,34% 3,55% 17,20%Dez/05 84,20 4,01% 3,38% 17,11%------------------------------------------------------------FUTUROS NA LIFFE/LONDRES (em US$ por tonelada)------------------------------------------------------------27-ago-04 SEMANAL MENSAL ANUAL------------------------------------------------------------Set/04 669 0,00% 0,60% -6,56%Nov/04 650 0,31% -3,27% -12,16%Jan/05 676 0,75% -1,74% -10,23%Mar/05 691 0,73% -1,57% -9,91%Mai/05 706 0,57% -1,53% -9,37%Jul/05 721 0,42% -1,50% -9,08%Nov/05 735 0,41% -1,34% -9,03%------------------------------------------------------------ (Tomas Okuda, segue) Levantamento preliminar do Conselho dos Exportadores de Café (Cecafé) mostra que em agosto, até o dia 26, foram embarcadas 1.334.478 sacas de café. O resultado representa queda de 2,58% em relação ao mês anterior (1.369.797 sacas). Do total exportado em agosto, 1.309.651 sacas são de arábica (aumento de 2,47% sobre julho, quando foram embarcadas 1.278.133 sacas) e 24.827 sacas de conillon, com redução de 72,92% sobre o mês anterior (91.664 sacas). Em agosto, até o dia 26, foram emitidos certificados de origem de 1.814.984 sacas, 19,26% a mais do que em julho (1.521.809 sacas). Do total certificado em agosto, 1.735.720 sacas são de arábica (crescimento de 20,86% sobre julho, quando foram emitidos certificados de 1.436.164 sacas) e 79.264 sacas de conillon (redução de 7,45% sobre as 85.645 sacas de julho passado). (Tomas Okuda, segue) Confira a seguir a evolução das cotações do café no mercado futuro e dos preços no mercado físico interno. MERCADO INTERNO (em R$ por saca de 60 kg) ARÁBICA TIPO 6 DURO ----------------------------------------------------------------23-ago-04 24-ago-04 25-ago-04 26-ago-04 27-ago-04----------------------------------------------------------------Noroeste PR 190,56 188,50 190,00 191,89 190,56Mogiana 204,29 203,18 203,25 204,82 203,33Sul MG 203,20 202,21 203,00 203,91 202,80Zona/Mata 203,50 202,00 202,81 203,61 202,31Cerrado 204,38 203,33 203,04 204,86 203,96CONILLON TIPO 6Espírito Santo 135,14 136,04 136,43 136,57 138,00----------------------------------------------------------------INDICADOR ESALQ/BM&F (em sacas de 60 kg)----------------------------------------------------------------23-ago-04 24-ago-04 25-ago-04 26-ago-04 27-ago-04----------------------------------------------------------------À Vista R$ 204,66 203,37 203,37 205,06 204,04À Vista US$ 69,05 68,80 68,80 69,37 69,05A Prazo R$ 206,13 204,84 204,84 206,54 205,51----------------------------------------------------------------FUTUROS NA BM&F (em US$ por saca de 60 kg)----------------------------------------------------------------23-ago-04 24-ago-04 25-ago-04 26-ago-04 27-ago-04----------------------------------------------------------------Set/04 79,45 79,00 79,45 80,30 79,90Dez/04 81,85 81,45 81,90 82,80 82,30Mar/05 83,80 83,90 84,30 85,30 84,80Mai/05 81,60 81,60 87,60 89,50 90,00----------------------------------------------------------------FUTUROS NA NYBOT (em cents de dólar por libra-peso)----------------------------------------------------------------23-ago-04 24-ago-04 25-ago-04 26-ago-04 27-ago-04----------------------------------------------------------------Set/04 69,85 69,45 69,80 70,65 70,00Dez/04 73,45 73,15 73,50 74,45 73,60Mar/05 76,50 76,20 76,55 77,50 76,70Mai/05 78,30 78,00 78,40 79,30 78,50Jul/05 79,95 79,65 80,05 80,90 80,15Set/05 81,45 81,10 81,50 82,35 81,75Dez/05 84,05 83,70 84,10 84,85 84,20----------------------------------------------------------------MÍNIMA SET/04 67,25 68,00 68,90 71,00 69,50MÁXIMA SET/04 70,00 70,20 69,90 69,50 70,90----------------------------------------------------------------MÍNIMA DEZ/04 71,30 71,50 72,55 74,70 73,20MÁXIMA DEZ/04 73,80 73,90 73,75 73,10 74,70----------------------------------------------------------------MÍNIMA MAR/05 74,70 74,70 76,20 77,60 76,60MÁXIMA MAR/05 76,90 76,70 76,75 76,30 77,75----------------------------------------------------------------MÍNIMA MAI/05 76,75 76,40 78,00 79,25 78,30MÁXIMA MAI/05 78,20 78,50 78,50 78,30 79,60----------------------------------------------------------------FUTUROS NA LIFFE/LONDRES (em US$ por tonelada)----------------------------------------------------------------23-ago-04 24-ago-04 25-ago-04 26-ago-04 27-ago-04----------------------------------------------------------------Jul/04 669 669 669 669 669Set/04 666 657 659 656 650Nov/04 687 681 684 681 676Jan/05 702 696 699 696 691Mar/05 717 711 714 711 706Mai/05 734 726 729 727 721Jul/05 748 740 743 741 735Nov/05 763 755 758 756 750Jan/06 784 776 779 777 771Mar/06 795 787 790 788 782---------------------------------------------------------------- (Tomas Okuda, fim)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.