Caixa concede 17% mais crédito para pessoas físicas

O volume de concessão de crédito para as pessoas físicas aumentou em 17% na Caixa Econômica Federal na primeira semana após o anúncio da redução das taxas de juros. Para as empresas, o volume de concessão de novos empréstimos avançou 9%. Ao todo, segundo o banco, foram emprestados R$ 518 milhões às famílias, em cinco dias nas linhas de crédito com as novas taxas. Para empresas, o volume alcançou R$ 323 milhões.

EQUIPE AE, Agencia Estado

17 de abril de 2012 | 17h11

Entre as linhas de crédito com maior aumento na procura, a Caixa destaca o consignado com desconto em folha, que teve expansão de 61,4% na comparação com os cinco primeiros dias de março. Já o crédito direto ao consumidor registrou avanço ainda maior, de 73%.

Em comunicado à imprensa, a Caixa afirma que, além dos volumes maiores de crédito, é possível notar aumento da procura por informações na página da Caixa na internet e na central de atendimento telefônico, que cresceu 32% após o anúncio da redução dos juros. Apenas via telefone, foram 28 mil contatos em uma semana.

Tudo o que sabemos sobre:
bancosCaixacrédito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.