Caixa troca executivos da Funcef e Caixa Participações

A Caixa Econômica Federal promoveu uma troca de diretores entre a Funcef, seu fundo de pensão, e a Caixa Participações, que investe em empresas. Após cerca de oito anos como diretor de investimentos da fundação, Demósthenes Marques, vai se dedicar à diretoria de novos negócios da CaixaPar, no lugar de Maurício Marcellini, que assumiu, na semana passada, o seu cargo na Funcef.

ALINE BRONZATI E ALTAMIRO SILVA JÚNIOR, Agencia Estado

17 de abril de 2012 | 10h07

Durante a gestão de Marques, o fundo de pensão obteve uma rentabilidade de 238,64% contra meta atuarial de 125%, equivalente a um retorno de 17,5% nos últimos oito anos. Já o patrimônio do Funcef mais que triplicou no período de referência, passando de R$ 15,3 bilhões, no final de 2003, para R$ 47,9 bilhões. "Tivemos um bom resultado", resume Marques.

Já o novo diretor de Investimentos da Funcef, Maurício Marcellini, assume o cargo em meio a um cenário de redução de juros que obriga os fundos de pensão a diversificarem cada vez mais seus investimentos para bater a meta atuarial. Com pós-graduação em finanças pelo Ibmec e gestão pela FGV, e mestrando em Economia Previdenciária pela Universidade de Brasília (UnB), ele já teve passagem pela Funcef.

Além de consultor da presidência, também ocupou o cargo de gerente de investimentos da fundação entre os anos de 2008 e 2011. Atuou ainda nos conselhos de administração da Brasil Ferrovias e Ferronorte e também da Telemar, esta em 2011. Conforme o estatuto da Funcef, os diretores têm mandato de quatro anos, sendo permitida uma reeleição.

Tudo o que sabemos sobre:
Caixaexecutivos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.