Edgar Su/Reuters
Edgar Su/Reuters

Carrefour se prepara para lançar ações na Bovespa ainda em 2015

Companhia francesa afirma trabalhar para abrir o capital no Brasil, mas condiciona oferta pública de ações ao cenário econômico nacional

Fernando Nakagawa, correspondente, O Estado de S. Paulo

05 de março de 2015 | 09h28

LONDRES - O Carrefour continua trabalhando para uma eventual oferta de ações da filial brasileira em 2015. Isso não quer dizer, porém, que a varejista francesa planeja vender as ações neste ano. A informação foi dada pela diretoria da companhia durante teleconferência com investidores e analistas na manhã desta quinta-feira, 5. 

"Nosso objetivo é estarmos prontos para um IPO (oferta pública de ações) em 2015. Não sabemos se vamos (realizar a operação), mas queremos estar prontos. Dependemos das condições do mercado e das perspectivas de criação de valor para o Carrefour", disse o diretor-financeiro da varejista francesa, Pierre-Jean Sivignon. "As condições para o Carrefour precisam estar em uma situação favorável".

O secretário-geral do conselho administrativo e vice-presidente, Jérôme Bédier, também informou que a empresa continua no esforço administrativo para se preparar para a oferta de ações. Assim como Sivignon, Bédier insistiu que a operação, porém, depende de uma situação favorável do mercado.

Sobre o Brasil, Jérôme Bédier comentou que, além da aposta em novos formatos com a expansão das pequenas lojas e do "atacarejo", os planos para a filial brasileira também contam com o "relançamento do comércio eletrônico na segunda metade do ano". 

Tudo o que sabemos sobre:
Carrefourvarejo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.