Catar obtém 17% de participação na Volkswagen, diz revista

O Catar pagou à Porsche cerca de 80 euros por ação ordinária da Volkswagen em um acordo recentemente anunciado que dará ao país do Golfo Pérsico uma participação com direito a voto de 17 por cento na maior montadora de veículos da Europa. A informação foi publicada por uma revista alemã que citou fontes próximas da Porsche.

REUTERS

19 de agosto de 2009 | 10h14

Às 9h35 (horário de Brasília), as ações ordinárias da Volkswagen desabavam 18,3 por cento, cotadas a 138,65 euros, mas ainda estavam quase duas vezes mais caras que o preço de compra comunicado.

A Manager Magazin citou nesta quarta-feira fontes dizendo que o Catar também comprou da Porsche opções sobre 50 por cento das ações preferenciais da Volkswagen por 63 euros cada.

As ações preferenciais da Volkswagen tinham alta de 6,2 por cento, negociadas a 63,2 euros. Os papéis da Porsche subiam 2,24 por cento, para 53,42 euros.

A Porsche e a Volkswagen se recusaram a comentar o assunto, enquanto representantes do Catar não estavam imediatamente disponíveis.

A Porsche informou na semana passada que estava vendendo ativos avaliados em bilhões de euros para o Catar em uma medida para fortalecer suas finanças.

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSCATARPARTICIPACAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.