CEO da GM Wagoner vai pedir demissão, diz fonte

O presidente-executivo da General Motors, Rick Wagoner, vai pedir demissão após oito anos no comando da montadora, disse neste domingo uma pessoa ligada à questão.

REUTERS

29 de março de 2009 | 18h40

A fonte, que pediu para não ser identificada uma vez que a decisão ainda não foi anunciada publicamente, recusou-se a dar mais detalhes.

Wagoner recebeu críticas por sua administração da GM no ano passado, quando parlamentares norte-americanos debateram um plano de resgate às montadoras.

Ele afirmou repetidas vezes que desejava permanecer à frente da empresa, e a diretoria da GM declarou apoio unânime a ele.

(Reportagem de Jui Chakravorty Das)

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSGMCEO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.