Chesf, CEEE-GT, Eletronorte e Iesul não cumprem requisito para leilão de transmissão

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu que as companhias Chesf, Eletronorte, CEEE-GT e Iesul não atendem a requisitos para se habilitarem para leilão de transmissão de eletricidade previsto para meados de novembro, segundo decisão publicada no Diário Oficial da União nesta sexta-feira.

REUTERS

17 de outubro de 2014 | 09h03

O edital do leilão número 4 de 2014 foi aprovado na terça-feira pela agência. O certame deve ocorrer em 18 de novembro e envolve nove lotes que totalizam cerca de 4.700 quilômetros de linhas de transmissão e acrescentam 8.761 MVA de capacidade de transformação à Rede Básica do Sistema Interligado Nacional (SIN).

Os investimentos previstos são de 6,3 bilhões de reais e a receita anual máxima permitida é de cerca de 750 milhões de reais. As linhas percorrem os Estados do Rio Grande do Sul, Pará, Mato Grosso, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e Amapá.

A Aneel já havia considerado que Chesf, CEEE-GT e Iesul também não atendiam requisitos de leilão realizado em maio e que envolveu cerca de 2.900 quilômetros de linhas de transmissão e investimentos de 4,5 bilhões de reais.

(Por Alberto Alerigi Jr., edição de Marcela Ayres)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIAANEELLEILAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.