China quer participar da recompra de títulos da Grécia

Programa de recompra, liderado pela União Europeia, quer reduzir a carga de endividamento da Grécia

Hélio Barboza, da Agência Estado,

29 de julho de 2011 | 08h39

A China tem mostrado interesse em participar do programa de recompra de títulos liderado pela União Europeia para reduzir a carga de endividamento da Grécia. A informação foi dada por uma autoridade grega que não quis fornecer detalhes.

O ministro das Finanças da Grécia, Evangelos Venizelos, disse na quinta-feira a uma comissão parlamentar que governos não europeus - como a China - poderiam ajudar a financiar o programa de recompra de títulos.

O programa, de € 20 bilhões, faz parte do segundo pacote de socorro à Grécia, num total de € 109 bilhões, aprovado na semana passada pelos líderes da União Europeia. As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaGrécia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.