Chrysler vai montar motor pequeno em fábrica dos EUA para Fiat

A Chrysler vai montar um motor pequeno fornecido pela Fiat a partir do final de 2010 por meio de um investimento de 179 milhões de dólares em uma fábrica da montadora em Michigan, informou o presidente-executivo das empresas, Sergio Marchionne, nesta quinta-feira.

REUTERS

17 de dezembro de 2009 | 15h54

A Chrysler vai usar o motor de 1.4 litro primeiro no Fiat 500 que será produzido no México, que terá metade de sua produção voltada para o mercado dos Estados Unidos e a outra metade para a América Latina, afirmou Marchionne em entrevista na sede da montadora norte-americana.

O anúncio sobre o motor, que faz parte do plano de reestruturação da Chrysler anunciado em novembro, vai criar 573 empregos na indústria, dos quais 155 na Chrysler, disse Marchionne.

A Chrysler deixou processo de concordata bancado pelo governo dos Estados Unidos em junho, sob administração da Fiat.

(Por Soyoung Kim e David Bailey)

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSCHRYSLERMOTOR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.