Citigroup tem lucro 42% maior no 2º trimestre

O Citigroup teve lucro líquido de US$ 4,2 bilhões (US$ 1,34 por ação) no segundo trimestre deste ano, um aumento de 42% sobre igual período do ano passado, puxado pela melhora na receita dos mercados de capital e pela demanda por empréstimos nos países emergentes. A receita cresceu 12%, para US$ 20,5 bilhões.

Agencia Estado

15 de julho de 2013 | 09h33

O lucro ajustado, de US$ 1,25 por ação, superou a previsão dos analistas, que era de US$ 1,17 por ação, mesmo excluindo o ganho de US$ 477 milhões gerado por um ajuste no valor da dívida do banco.

Os gastos operacionais do banco aumentaram 1,0% em comparação com o segundo trimestre do ano passado, para US$ 12,1 bilhões.

O principal foco estratégico do banco tem sido o crescimento no exterior, especialmente nos mercados emergentes. No entanto, a desaceleração da economia da China pode se espalhar pela Ásia, onde o Citigroup está obtendo receitas significativas.

O Citigroup também tem vendido negócios que não correspondem mais à estratégia do banco. Durante o segundo trimestre foram vendidos US$ 18 bilhões em ativos e em junho foi vendido o restante da joint venture Morgan Stanley Smith Barney para o Morgan. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Citigroupbalançosegundo trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.