Citigroup tem lucro líquido 30% maior no 1º trimestre

O lucro líquido do Citigroup subiu 30% no primeiro trimestre deste ano, para US$ 3,8 bilhões (US$ 1,23 por ação), de US$ 2,9 bilhões (US$ 0,95 por ação) no mesmo período do ano passado. Na mesma comparação, a receita cresceu para US$ 20,5 bilhões, de US$ 19,4 bilhões.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

15 de abril de 2013 | 10h17

Excluindo uma despesa de US$ 198 milhões com ajuste do valor da dívida do banco, o lucro por ação foi de US$ 1,29, bem acima da previsão dos economistas de US$ 1,17 por ação. No pré-mercado em Nova York, as ações do banco subiam 0,94%. O Citi recuperou US$ 652 milhões em recursos anteriormente separados para perdas com crédito, o que contribuiu para os bons resultados.

O lucro líquido de juros permaneceu estável na comparação anual. A medida, que é importante para os bancos, está sob pressão por causa das baixas taxas de juros nos EUA e da lenta recuperação da economia norte-americana.

O Citi vem sendo pressionado pelos investidores a liberar reservas para perdas com crédito em suas operações de hipotecas e no primeiro trimestre liberou US$ 375 milhões em reservas. Os gastos operacionais do Citi subiram 1% no primeiro trimestre em comparação com o mesmo período do ano passado, mas caíram 3% em relação ao quarto trimestre de 2012, para US$ 12,4 bilhões. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Citigrouplucro1º trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.