Claro participará do leilão 4G, diz seu presidente

O presidente da Claro no Brasil, Carlos Zenteno, confirmou hoje que a companhia participará do leilão para telefonia 4G marcado para abril de 2012. A confirmação foi anunciada no momento em que outras operadoras, como Oi e Tim, pressionam o governo pelo adiamento da licitação na faixa de 2,5 GHz.

EDUARDO RODRIGUES, Agencia Estado

15 de dezembro de 2011 | 16h30

A informação foi dada durante encontro com o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, para o anúncio da migração da rede 3G da Claro para a plataforma 3G+, com velocidade três vezes superior. "Nossa expectativa em relação ao leilão de 4G é bastante positiva porque achamos que a tecnologia é necessária para todos os eventos mundiais que vamos ter no País nos próximos anos. Temos de mostrar ao mundo um Brasil moderno e tecnológico, por isso vamos participar da (licitação) e implementar o 4G no Brasil".

Tudo o que sabemos sobre:
leilãotelefoniaClaroparticipação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.