Conselho da Petrobrás aprova nova emissão de debêntures para captar até R$ 3 bilhões

Está será a quinta emissão de debêntures simples da companhia; a estatal poderá emitir até 300 mil títulos, com valor nominal unitário de R$ 10 mil

Beth Moreira, O Estado de S. Paulo

17 Maio 2015 | 09h30

SÃO PAULO - A Petrobrás informa que seu conselho de administração, em reunião realizada no último dia 15, aprovou a realização da 5ª Emissão de Debêntures Simples de até R$ 3 bilhões. 

Em comunicado ao mercado, a empresa detalha que a quantidade total de debêntures poderá ainda ser acrescida de um lote adicional de debêntures equivalente a até 20% do total de debêntures inicialmente ofertado e/ou de um lote suplementar de debêntures equivalente a até 15% do total de debêntures inicialmente ofertado.

As debêntures são do tipo não conversíveis em ações, da espécie quirografária e para distribuição pública. A estatal poderá emitir até 300 mil debêntures, com valor nominal unitário de R$ 10 mil, o que corresponderá a até R$ 3 bilhões. 

"A companhia irá avaliar as condições de mercado e sua necessidade de captação ao longo de 2015 para a tomada de decisão final a respeito da realização da emissão", informa a companhia. Caso opte pela execução da operação, ressalta, serão divulgadas todas as informações relevantes, aprovações societárias e demais documentos da emissão, conforme requerimento legal. 

Mais conteúdo sobre:
Petrobrásdebênturescaptação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.