Conselho do Carrefour se reúne nesta terça-feira, diz ‘WSJ’

Objetivo do encontro seria discutir reunião de acionistas programada para junho

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

30 de maio de 2011 | 16h20

O conselho fiscal da rede varejista francesa Carrefour deve se reunir nesta terça-feira, 31, em meio ao aumento do interesse nos negócios da companhia no Brasil, informou o Wall Street Journal, citando duas fontes familiarizadas com o assunto.

A reunião é um evento do conselho previsto regularmente, cujo objetivo é discutir a reunião de acionistas programada para junho. No entanto, as operações do Carrefour no Brasil poderão estar na pauta do encontro depois que o empresário Abílio Diniz, presidente do Grupo Pão de Açúcar, se aproximou do Carrefour para explorar oportunidades de "crescimento" potenciais, afirmaram várias pessoas próximas da situação, irritando o Grupo Casino, parceiro de longa data do Pão de Açúcar e rival do Carrefour.

O Grupo Casino e a família Diniz têm controlado conjuntamente o Pão de Açúcar há anos e o Casino tomaria o controle da varejista brasileira no ano que vem, segundo termos de um acordo de acionistas. No entanto, nas últimas semanas, Diniz, o fundador do Pão de Açúcar, tem conversado com o Carrefour sobre várias opções potenciais de fusão, incluindo uma troca de ações.

O Carrefour, a segunda maior varejista do mundo depois do Walmart, está no meio de uma grande transformação. A gigante varejista deverá dividir sua rede de supermercados Dia numa reunião de acionistas em 21 de junho, num movimento que desencadeou críticas de analistas e sindicatos. No início deste mês, o Carrefour suspendeu indefinidamente seus planos para dividir parte de sua divisão imobiliária.

Qualquer mudança na estratégia do Carrefour no Brasil poder ser também controversa. O Brasil é uma fonte importante de crescimento para a companhia francesa, que compensa o seu fraco desempenho na França. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.