Convidados faltam e audiência na Câmara sobre aeroportos é cancelada

O presidente da Infraero, Antônio Gustavo do Vale, e os presidentes das principais companhias aéreas brasileiras - TAM, Gol, Azul - não compareceram à audiência

Rafael Moraes Moura, da Agência Estado,

27 de abril de 2011 | 12h22

O presidente da Infraero, Antônio Gustavo do Vale, e os presidentes das principais companhias aéreas brasileiras (TAM, Gol, Azul) não compareceram à audiência pública da Câmara dos Deputados para tratar dos problemas nos aeroportos brasileiros. A presença deles era aguardada na Comissão de Defesa do Consumidor na manhã de hoje.

Em repúdio à recusa dos convites, o deputado Roberto Santiago (PV-SP), presidente da comissão, decidiu suspender a audiência. "Não é possível continuar essa situação de completo abandono nos aeroportos, com as companhias aéreas fazendo o que querem fazer. Vamos discutir a convocação do ministro à qual essas companhias está subordinada, porque a sociedade não pode continuar pagando a conta desses desmandos", afirmou.

"Os órgãos de governo que estão cuidando de aeroportos e do transporte aéreo brasileiro estão devendo explicações", disse. "Eles disseram que a agenda não era compatível com o horário da reunião, ou seja, não vieram porque não quiseram vir."

Ontem, o presidente do Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA), José Márcio Monsão Mollo, disse que haverá "caos completo" nos aeroportos brasileiros durante a Copa do Mundo de 2014, ainda que as obras sejam concluídas no prazo previsto. Para Santiago, "o caos aéreo já existe".

Tudo o que sabemos sobre:
TAMGolAzulIngraeroaeroporto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.