Coutinho diz que BNDES não terá prejuízo com a OGX

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, reafirmou, nesta sexta-feira, 8, em São Paulo, que o banco não amargará prejuízos com as empresas do Grupo X, do empresário Eike Batista. Segundo ele, o BNDES não financiou a OGX, em recuperação judicial, mas apoiou "projetos consistentes de energia e infraestrutura" que foram reestruturados diante das dificuldades financeiras da petroleira.

GUSTAVO PORTO, Agencia Estado

08 de novembro de 2013 | 13h13

"Não apoiamos a empresa de petróleo, a OGX, que supervalorizou e, sem a produção prevista, frustrou todo o processo. O BNDES não emprestou para a OGX, mas para outras empresas", disse. "São empresas sólidas que quando o grupo começou a ter problemas foram vendidas, infelizmente para estrangeiras, portanto não vamos ter nenhum prejuízo", completou.

Tudo o que sabemos sobre:
CoutinhoOGX

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.