Cresce faturamento da indústria de bens de capital

Faturamento bruto do setor no primeiro semestre deste ano somou R$ 38,08 bilhões no País, uma elevação de 7,09% em comparação com o mesmo período do ano passado

Wladimir D'Andrade, da Agência Estado,

27 de julho de 2011 | 14h59

O faturamento bruto da indústria de bens de capital no primeiro semestre deste ano somou R$ 38,08 bilhões no País, com elevação de 7,09% em comparação com o mesmo período do ano passado. Em junho, o faturamento chegou a R$ 6,33 bilhões, queda de 7,8% ante maio e queda de 0,7% sobre junho do ano passado. Os dados foram divulgados hoje pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).

O setor exportou no primeiro semestre de 2011 US$ 5,365 bilhões, o que representa uma alta de 32,6% sobre o primeiro semestre de 2010. As exportações em junho chegaram a US$ 938 milhões, com alta de 31,3% sobre junho de 2010 e queda de 7,8% ante maio deste ano. As exportações foram puxadas, principalmente, pelas vendas a mercados da América Latina. No período em análise, as vendas para a América Latina totalizaram 47%.

Já as importações no primeiro semestre deste ano tiveram uma alta de 32,7% sobre o mesmo período do ano passado, totalizando US$ 14,146 bilhões. Em junho, as importações somaram US$ 2,513 bilhões, uma queda de 7,2% ante maio e uma alta de 28,6% na comparação com junho de 2010. Houve déficit na balança comercial do setor de US$ 8,781 bilhões no período em análise.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) em junho deste ano ficou em 82,2%, o que representa uma queda de 1,1% sobre o mesmo mês do ano passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.