CSN registra lucro 37% menor no 3º trimestre

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) registrou um lucro líquido de R$ 720 milhões no terceiro trimestre deste ano, um valor 37% menor que o obtido no mesmo período do ano passado. Nesta base de comparação, a receita líquida subiu 23%, para R$ 2,055 bilhões enquanto a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) teve aumento de 85%, para R$ 1,832 bilhão. A margem Ebitda foi de 46%, ante os 33% verificados no terceiro trimestre do exercício anterior.

FÁTIMA LARANJEIRA, Agencia Estado

29 de outubro de 2010 | 08h41

O resultado financeiro líquido de julho a setembro de 2010 foi negativo em R$ 475 milhões, ante os R$ 115 milhões, também negativos, em igual intervalo de 2009. A siderúrgica atribuiu os resultados do trimestre passado basicamente aos seguintes fatores: encargos de empréstimos e financiamentos, no total de R$ 502 milhões; variações monetárias e cambiais negativas em R$ 107 milhões, incluindo o resultado das operações com derivativos; e atualização monetária das provisões fiscais, no total de R$ 90 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
siderurgiaCSNlucrobalanço

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.