Imagem Adriana Fernandes
Colunista
Adriana Fernandes
Conteúdo Exclusivo para Assinante

CUT entrega proposta para manter emprego e renda

O presidente da Central ?nica dos Trabalhadores (CUT), Arthur Henrique da Silva Santos, entregou hoje, ao ministro da Fazenda, Guido Mantega - no almo?o com sindicalistas - documento com propostas para a manuten??o do emprego e da renda dos trabalhadores, e a instaura??o de um espa?o de negocia??o com representantes de trabalhadores, como aconteceu em 2006, no acordo para reajuste do sal?rio m?nimo e da tabela do Imposto de Renda da Pessoa F?sica (IRPF).Entre as propostas, o presidente da CUT pede uma ampla reestrutura??o das regras do IRPF, como a corre??o da tabela pela taxa da infla??o integral do per?odo; a amplia??o do n?mero de faixas e o aumento do limite de renda tribut?vel isenta do imposto. Tamb?m pede a diminui??o da al?quota da primeira faixa de contribui??o; atualiza??o anual da tabela pela infla??o; o aumento dos valores mensais de dedu??o com dependentes; a possibilidade de dedu??o de todas as despesas com educa??o pr?pria e dos dependentes; dedu??o dos gastos com medicamento de uso cont?nuo e tamb?m a dedu??o mensal nos valores gastos com sa?de, educa??o e previd?ncia complementar.De acordo com o documento os efeitos da crise financeira sobre a economia brasileira j? come?aram a aparecer, com os an?ncios de demiss?es, f?rias coletivas e suspens?o dos investimentos programados em setores importantes. O documento ressalta que ? fundamental uma interven??o r?pida e decisiva do Estado para impedir que esses efeitos se espalhem sobre outros setores. O texto defende ainda que o cr?dito s? seja concedido a empresas que se comprometerem a manter e ampliar o emprego. Entre as propostas est? a que prev? a desonera??o da folha de pagamento somente para as empresas que reduzirem a jornada de trabalho e que se comprometerem com a manuten??o do n?vel de emprego.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.