CVM e SEC aprovam programa de ADRs da Magnesita

A Magnesita teve aprovado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e pela Securities and Exchange Commission (SEC) seu programa de American Depositary Receipts (ADRs), informou a companhia na sexta-feira à noite.

REUTERS

17 de agosto de 2010 | 10h04

"O objetivo do programa é facilitar a aquisição de ações da Companhia no exterior por investidores não-residentes, propiciando maior visibilidade e liquidez à companhia, bem como permitir que administradores da empresa residentes no exterior possam adquirir ações", disse a Magnesita, em comunicado.

Cada ADR, que será negociado apenas no mercado de balcão, vai representar duas ações ordinárias da empresa, e será identificado temporariamente pela sigla MFRSY.

(Reportagem de Aluísio Alves)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASMAGNESITAADRS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.