Cyrela registra lucro de R$ 163 mi no 1º trimestre

A incorporadora Cyrela Brazil Realty teve lucro líquido de R$ 163 milhões no primeiro trimestre de 2014, montante 8,7% menor do que nos mesmos meses de 2013, conforme balanço publicado no início da noite desta quarta-feira, 14. O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) atingiu R$ 244 milhões, 5,7% a menos. A margem Ebitda caiu 2,8 pontos porcentuais, para 18,5%. A receita operacional líquida totalizou R$ 1,315 bilhão, aumento de 8,2%.

CIRCE BONATELLI, Agencia Estado

14 de maio de 2014 | 19h26

O resultado financeiro foi positivo em R$ 9 milhões, recuo de 10%. A companhia explicou que a queda no lucro ocorreu em função de alguns fatores considerados pontuais. Entre eles está o efeito dos terrenos distratados na região Nordeste, da ordem de R$ 10 milhões; e o impacto de R$ 8 milhões na linha de outras despesas operacionais devido à provisões jurídicas para multas de atrasos de obras.

A Cyrela também mencionou que houve um impacto líquido de R$ 7 milhões na rubrica impostos, devido a uma baixa contábil. No início do trimestre, a empresa possuía impostos a recuperar, cujo prazo excedia cinco anos e, portanto, com chances de recuperação extremamente remotas. Por fim, a companhia reportou queda no valor de equivalência patrimonial, de R$ 13,1 milhões no primeiro trimestre de 2013 para R$ 6,9 milhões no primeiro trimestre de 2014. Isso se deve principalmente a um menor resultado da joint venture com a Cury, dado que foi um trimestre de início de construção de uma série de contratos assinados do faixa 1 em 2013, cujo custo ocorreu neste trimestre e a receita será faturada nos próximos meses.

Tudo o que sabemos sobre:
Cyrelabalanço1º trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.