Hannah McKay/ Reuters
Hannah McKay/ Reuters

Deloitte adquire consultoria e traz seu braço digital ao País

Em operação há uma década em outros países, negócio chega com 350 funcionários e R$ 60 milhões em investimentos

André Jankavski, O Estado de S.Paulo

10 de novembro de 2021 | 05h00

A consultoria Deloitte deu início ao seu programa de expansão, anunciado em julho, e vai incorporar a consultoria mineira CbCloud. Além da aquisição, a empresa vai estrear a marca Deloitte Digital no Brasil. Com foco na área de transformação digital, o negócio pretende disputar espaço com consultorias que já têm essa área mais bem estabelecida no País, como McKinsey e Accenture, além de nomes que têm crescido rapidamente, como a brasileira CI&T.

“O lançamento da Deloitte Digital no Brasil é um componente importante da nossa estratégia global de ampliar serviços de transformação digital. A equipe brasileira fará parte de uma rede global de mais de 60 locais”, afirma o britânico Sam Roddick, líder global da Deloitte Digital.

A investida faz parte de um plano maior para o País. Integrante do grupo das quatro grandes empresas de auditoria e consultoria, o “big four”, a empresa havia anunciado investimento de R$ 400 milhões para crescer na área de consultoria, especialmente em transformação digital. No ano fiscal de 2021, a Deloitte teve faturamento de US$ 50,2 bilhões, crescimento de 5,5%. A área de consultoria avançou menos do que a média: 5%.

E aí é que entra a estratégia de trazer a Deloitte Digital para o Brasil, marca que já existe há dez anos. “Mais do que colocar uma nova marca no mercado, precisávamos aumentar toda a nossa capacidade nessa área. Com a CbCloud, vamos poder atender a todas as áreas de vendas, serviços e marketing”, diz Guilherme Evans, que vai ser o responsável por tocar o braço brasileiro da companhia.

A empresa vai nascer com 350 profissionais, 150 deles vindos da CbCloud, e tem os planos de dobrar de tamanho em três anos. Segundo Renata Muromoto, sócia-líder da área de consultoria da Deloitte, a área de consultoria vinha dobrando de tamanho todos os anos, desde 2018. “Agora, a base ficou maior”, afirma. 

No total, essa nova área vai receber R$ 60 milhões. Segundo os executivos da Deloitte, a pandemia acelerou a necessidade das empresas em se transformarem. A companhia promete atacar todas as fases desse processo, da estratégia à implementação em si. 

Segundo Evans, a absorção da CbCloud também vai aproximar o negócio das startups e fintechs. De acordo com o executivo, a empresa também vai ter interação com outras áreas da consultoria, como a de segurança digital. 

Tirando o atraso

  • Concorrência

A Deloitte Digital chega com certo atraso ao País: consultorias como a McKinsey e a Accenture já trabalham no setor por aqui; além disso, a transformação digital também é o serviço de empresas como a CI&T, que nasceu em Campinas (SP) e agora se prepara para abrir capital  

na Bolsa de Nova York  

  • Investimento pesado

A chegada da Deloitte Digital vem acompanhada de um alto investimento – de R$ 60 milhões – e da compra da consultoria mineira CbCloud, que implementadora certificada das tecnologias da Salesforce ; o braço digital da consultoria já estreará com 350 funcionários.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.