Desempenho do varejo neste ano deve superar o de 2011, mas não o de 2010

No ano passado, o comércio varejista registrou expansão de 6,7%, enquanto em 2010, a alta chegou a 10,9% 

Daniela Amorim, da Agência Estado,

13 de dezembro de 2012 | 11h08

RIO - A alta nas vendas do comércio varejista em 2012 deve ser maior do que a verificada em 2011. No entanto, não deve alcançar a marca de 2010, segundo Reinaldo Pereira, gerente da Coordenação de Serviços e Comércio do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No ano passado, o comércio varejista registrou expansão de 6,7%, enquanto em 2010, a alta chegou a dois dígitos (10,9%).

"Provavelmente, pelos números que temos, vamos ter resultado melhor que no ano anterior. Porque temos um aumento de 8,9% (de janeiro a outubro). E faltam apenas dois meses para fechar o ano, sendo meses de vendas de Natal. Então provavelmente (este ano) deve ser melhor (que 2011), mas não deve bater 2010", avaliou Pereira.

Segundo o gerente do IBGE, todas as atividades do varejo têm mostrado evolução positiva no acumulado de 2012 até outubro. "Está havendo recuperação de todas as atividades, algumas não com tendência de alta, mas todas mantendo ritmo constante", ressaltou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.